Morador do Lar dos Idosos Recanto do Tarumã, dá palestra em Congresso Nacional.

O IX Congresso brasileiro de alzheimer e VII Congresso brasileiro de neuropsiquiatria geriátrica, que ocorreu de 16 a 19/out em SP, no Frei Caneca, contou com o depoimento muito emocionante de um morador mais que especial do Lar dos Idosos Recanto do Tarumã, mantido pela instituição Socorro aos Necessitados.  

O Sr. Jurandyr Mendes Monçores, que reside há 11 anos no Recanto, foi convidado a dar seu depoimento sobre a IPLI (Instituição de longa permanência para idosos).

Confirar a seguir, o texto de seu depoimento:

 

 

  Em julho (há 3 meses) tomei conhecimento do convite para fazer

uma breve palestra, neste congresso importante, bem no espaço

que se refere especificamente às ILPI.

“Um analista de Sistemas aposentado após 40 anos de atividade e

morador de uma ILPI há onze anos.”

O Supervisor técnico da instituição, autor da minha indicação me

solicitou respostas a quatro questões básicas:

 

1) O que fez o senhor optar por residir na ILPI?

2) O que coincide ou não coincide com o que o senhor

imaginava como seria estar numa ILPI?

3) Como é residir numa ILPI?

4) Como tem sido sua experiência?

5) Quais seriam, na sua opinião, os pontos positivos e

negativos da ILPI?

 

Vamos por partes, como diria Jack o Estripador:

 

Com relação a primeira questão:

Em 2008, já idoso aos 71 anos de idade, sentia necessidade de saber

como outros idosos conduziam suas vidas ou se deixavam conduzir,

enquanto - eu mesmo - monitorava à distância – via Internet – um

sistema informatizado de contabilidade administrativa, que eu

mesmo havia implantado em duas empresas comerciais e, ainda

encontrava espaço em uma vez por semana e durante quatro

horas, no CVV, atendia telefonemas de pessoas angustiadas.

Alguém, naturalmente guiado pela providência divina, me indicou

a existência desta ILPI onde moro.

Então, na companhia do meu filho e “consultor”, decidimos fazer

uma apuração na Internet:

 

RDC 283/2005 DA ANVISA

 

Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) é

oferecida para pessoas com 60 anos ou mais, de ambos os

sexos, com diferentes necessidades e graus de dependência, que

não dispõem de condições para permanecer na família. O

acesso ao serviço também é garantido para idosos que se

 

encontram com vínculos familiares fragilizados ou

rompidos, em situações de negligência familiar ou

institucional, sofrendo abusos, maus tratos e outras

formas de violência, ou com a perda da capacidade de

autocuidado.

 

===xxx===

 

Gelamos, mas...

Mesmo assim, aproveitei um bom momento que a mesma

providência me concedeu e após uma proveitosa entrevista com a

Assistente Social e logo após outra com o supervisor técnico, um

Gerontólogo, nós três combinamos que eu poderia estar ficando na

instituição, em caráter experimental.

 

A segunda questão é de simples resposta:

A mídia e a própria opinião popular fazem-nos crer que, Asilo é

tão somente depósito de velhos, uma espécie de tapete, para onde

são varridos os vulneráveis sociais. Hoje tenho plena certeza da

inverdade disso.

 

À terceira questão...

Algo indescritível para quem vive mundanamente, o que era meu

caso na ocasião.

 

Para as duas questões finais:

Tenho a declarar que no decorrer de minha experiência, pude me

dar ao luxo de manter um “blog” de crônicas em torno de mim e do

lugar e -- em uma dessas crônicas, publicada recentemente --

conclui sucintamente o que seria meu atendimento às questões

formuladas.

Gostaria de junto a vocês apreciá-la sob comentários.

 

 

Link do post do blog em questão https://seujuradorecanto.org/2019/09/07/dependencia-e-vida/

Empresas amigas

Doma.ag
Ouro Verde
Nissei
Rede Solidária
Empalux
Skopos
Rafaela Salmon
Vébio
Printit
Lojas Coppel
Globo
Coppel
  • Rua Konrad Adenauer, 576
  • Tarumã CEP: 82.821-020
  • Curitiba/PR
  • 41 3266 3813

  • HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
    Seg. a Sex. Das 8h30 às 12h30 | 13h30 às 17h30